Dimensionamento Agroflorestal Básico

Para que possamos proceder com um dimensionamento agroflorestal básico, iniciamos com a análise da tabela 1 abaixo sugere a área total do canteiro que deve ser ocupada por cada um dos extratos.

A forma como esta tabela deve ser entendida é bastante simples.

Então, supondo que o canteiro a ser construído terá uma largura padrão de 1 metro e 25 metros de de comprimento.

ExtratoÁrea Ocupada (%)
Rasteiroaté 100
Baixoaté 80
Médioaté 60
Altoaté 40
Emergenteaté 20
Tabela 01 – Relação Extrato X Área Ocupada

Nestes 25 metros, 20% deverá ser preenchido com espécies emergentes, respeitando-se o espaçamento entre elas. Assim percebemos que 20% de 25 metros é 5 metros e poderemos dispor então, neste espaço de 25 metros, de até 5 árvores, dispostas como na Figura 1.

Figura 1

Desta forma, a área a ser disponibilizada para as espécies do Extrato Alto pode ser calculada da seguinte forma: 0,40% X 25 m = 10. Claramente o dobro das presentes no Extrato Emergente, já que devem ocupar o dobro da área.

Como podemos então dispor até 10 árvores neste canteiro?

Outro exemplo segue abaixo para o posicionamento de 6 árvores, mas lembre-se de que sempre temos que respeitar os espaçamentos mínimos entre espécies.

Como podemos dispor então neste Dimensionamento Agroflorestal das até 15 espécies do Extrato Médio que irão ocupar até 60% da área do canteiro? Abaixo uma sugestão com o posicionamento de 10 destas.

Deixe uma resposta